O mais novo Windows tem atualmente uma quota de 7,94 por cento de todo o tráfego da Web gerada por sistemas operacionais de desktop em outubro, de acordo com NetMarketShare. Os novos dados coletados no mês passado, revelam que o crescimento sofreu uma queda desde a abertura em agosto que já contava com 5,21 por cento.

A execução mais lenta na adoção do Windows 10 ao longo dos últimos dois meses, só mudará quando a Microsoft finalmente conseguir provar aos consumidores, que ainda pode fazer um sistema operacional atraente e amigável, depois da desastrosa impressão deixada com o Windows 8.

Muitos consumidores hesitaram atualizar seus computadores para o Windows 8, levando a Microsoft oferecer o Windows 10 gratuitamente para usuários que ainda permanecem fiéis ao Windows 7.

O crescimento deu uma encolhida mês a mês, desde agosto, inicialmente o Windows 10 contava com 5,21 por cento nos seus primeiros dias, subindo 1,42, somando 6,63 por cento em setembro e agora mais 1,31 chegando a 7,94 por cento em outubro.

Microsoft vem pressionando a atualização do Windows 10 através de frequentes pop-up e lembretes para o Windows 7 e Windows 8.1. A empresa classificada Windows 10 como uma atualização opcional e no início do próximo ano espera mudar isso para atualização recomendada, disse o vice-presidente executivo Terry Myerson em um post publicado no blog do Windows em 29 de outubro.

No mês outubro, o Windows 7 ainda é o grande rei com mais da metade de todo o tráfego da Web de acordo com o relatório da NetMarketShare, logo atrás temos o Windows XP com quase 12 por cento e o Windows 8.1 com quase 11 por cento e final o Windows 10 com apenas 7,94 por cento, todavia é um bom inicio se comprado ao Windows 8/8.1.

Compartilhar